10.22.2008

Convites solenes

Encontrei ontem um engrelope na caixa de correio, cujo endereço estava ocupado pelo dizer: "caro munícipe". Optei por abrir o envelope, uma vez que era da Câmara Municipal de Angra. Como não tenho água em casa dois dias por semana desde que cheguei de férias, pensei que fosse uma informação de que os dias de peixes magros tinham acabado e que os Angrenses poderiam voltar a tomar banho todos os dias como nos bons velhos tempos. A carta ,no entanto, é um garboso convite da Câmara e da Junta de freguesia, para que assista à inauguração da nova capela mortuária local.

Eu não sou um tipo que tema a morte assim de uma forma caguinchas. Mas assistir a inaugurações de capelas mortuárias não enquadra no meu conceito de divertimento social. É irónico, é. Lá vamos nós inaugurar um sítio onde vamos acabar. Mas acreditem que não seria bom ter-me por perto. Poderia dar-se o caso de, irritado pela falta do duche matinal, sugerir aos que me invitaram que se tornassem utentes da capela.

Será que vai haver salgadinhos?

6 comentários:

Lavrador disse...

interessante e macabro esse convite!
Não desanime! Talvês a câmara pretenda, com esse convite, apresentar uma alternativa à falta de água!

anjoazul disse...

and u're just...boring

PmCDP disse...

Ehehe! Tá boa.

PmCDP disse...

Ehehe! Tá boa.

PmCDP disse...

Ehehe! Tá boa.

Tracey disse...

haha inauguração da capela mortuária? mesmo mórbido